PUB
mascote
PUB


24 junho, 2016 Loucuras na Web

Sou viciada em sexo virtual e quando quero prazer por prazer, vou a sites de encontros...

Bem... Eu sou completamente viciada em sexo virtual... Ou não fosse eu uma cam girl... Mas a verdade é que gosto mesmo da sensação de excitar um desconhecido a longa distância e de fazê-lo vibrar sem me conhecer... Deixa-me completamente encharcada...

Loucuras na Web

Mas não gosto de misturar trabalho com vida pessoal, por isso quando quero prazer por prazer, sem saberem que sou cam girl, recorro a sites comuns de encontros online e foi o que fiz, no último mês, após ver publicidade a um site na TV. Pensei, boa, ando a precisar de diversão na minha vida pessoal!

Inscrevi-me e comecei a seleccionar os homens que me interessavam. Na primeira ligação, começamos a trocar mensagens, primeiro as comuns... Olá... De onde és? Que fazes? As básicas para meter conversa e chegar onde se quer.

As belas das mensagens eróticas, com fotos picantes e uma excitação e desejo translúcidos...

Como hoje em dia é tudo muito rápido, após algumas horas a trocarmos mensagens, combinamos um café para o dia seguinte.

Esta é, no fundo, a ideia de que o sexo virtual seja uma espécie de preliminares para um encontro cheio de loucuras.

Eu cheguei primeiro ao café escolhido por mim, claro, na minha zona de conforto. Sou maluca, mas não sou doida!

Quando oiço um «Carla» mais um nome de net... Nem me precisei de virar, o cheiro a Old Spice avizinhou logo um encontro difícil. Quando me virei, o impacto foi pior - fio de ouro ao pescoço, camisa aos quadrados aberta com os pelinhos no peito, calças de ganga de corte direito e sapatinho de ir à uva.

Se tivesse um buraco, naquela altura escondia-me e acreditem, tive vontade de escavar um. Mas eu tento sempre ver o lado positivo - apesar do aspecto azeiteiro, pode ser boa pessoa, bom conversador e atrair de outro modo...

O Deus terrível tinha-me dito que era empregado bancário e todas as fotos que me mandou eram de executivo... As vestidas, claro! E como eu fui empregada bancária muitos anos, por coincidência no mesmo banco, achei melhor começar por aí.

Então, fomos colegas, disse eu! Senti-o logo a ficar confuso. Ao fim de algumas perguntas básicas, a máscara caiu. Afinal, era porteiro num edifício do banco. lol

Questionei, mas tens formação superior, estava no teu perfil! Resposta: sim, sou licenciado em contabilidade e tenho a minha própria empresa. A sério, com escrita organizada ou não, pronto, pergunta básica e já se enterrou outra vez...

Resumindo, um mentiroso sem a história bem estudada. A única coisa que sabia dizer era que ganhava milhares. Não sei bem a fazer o quê!

Em conclusão, cada é o que quiser ser na net e por isso, alguns inventam histórias que podem ser apelativas para algumas meninas, mas são tão básicos que nem se esforçam por conhecer bem as mentiras que inventam para não serem apanhados.

E depois, lá fico eu agarrada, ao fim de horas de tesão, a trocar mensagens à desilusão com um azeiteiro mentiroso. Nem pela aparência, nem pela conversa se aproveitava.

Enfim, de volta ao site, à procura de uma nova conquista na esperança de ter alguma sorte... E a tal boa foda prometida nas SMS, confesso que tenho dom para escolher mal...

TugaEris

TugaEris

Portuguesa cam girl de profissão, viciada em sexo virtual assumida, procura não só ganhar a vida, mas aventuras e, quem sabe, um princípe encantado neste gigantesco mundo virtual.

skype anadocura

youtube:tugaeris

instagram:tugaeris

  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
blog comments powered by Disqus

Inserir Anúncio Gratis