PUB
mascote
PUB


26 outubro, 2017 Num casamento...

Estava perdida nas minhas fantasias quando te vejo, numa outra mesa...

Tinha ido a um casamento de uns amigos, a atmosfera como sabemos já é por si dada à emoção... e eu andava mesmo a precisar de emoção na minha vida. 

Num casamento...

Há alturas na nossa vida em que aparentemente tudo está bem, tudo no lugar certo, mas em que não nos sentimos nós, falta-nos a emoção, a garra, algo por que ansiar, algo que nos preencha tão completamente que em cada inspiração nos encha de possibilidades, dos dias mornos ninguém tem memórias... as memórias que colecionamos são daqueles dias em que a temperatura se destacou.

Logo após a cerimónia as pessoas convivem, comem, dançam… e eu já tinha reparado nos barmans que por ali andavam. Todos vestidos de preto com um pequeno avental. Calças justinhas e rabos bem torneados. Muito difícil ficar indiferente.

Estava eu perdida nas minhas fantasias quando te vejo, sentado numa outra mesa, os nossos olhares cruzam-se por breves momentos. Eu tinha um decote pronunciado e um colar comprido que tinha duas voltas e com os dedos ia brincando com o colar, parte do colar entrava pelo decote adentro, e vi os teus olhos descerem dos meus para o meu decote.

Vim cá fora e fui até ao bar buscar um cocktail, havia uma muralha baixa em pedra, daquelas muito antigas, e fui até essa muralha. A zona era elevada e o sol estava quase a pôr-se, a vista era fabulosa.

Estou perdida nos meus pensamentos e ao longe oiço a voz do Bryan Adams, a música era One Night Love Affair, que até ia de acordo com o que eu estava a pensar.

You're the silent type
And you caught my eye

Sinto uma presença atrás de mim, não quero olhar ainda, mantenho o olhar na linha do horizonte, quando tu te encostas a mim, baixas-te e apoias o queixo no meu ombro. Nem precisei de olhar para saber que eras tu.

Inspiro profundamente e relaxo.

But I never thought that I'd be touchin' you
How was I to know
I'd let my feelin's go
And that I'd be yours before the night was through

Viro a cabeça ligeiramente e sinto o teu cheiro, tão novo e tão familiar, encosto a cabeça à tua. Beijas-me no pescoço e na orelha, a tua língua percorre o lóbulo da minha orelha e dás-me pequenas dentadinhas, tão sexy. Sentir a tua respiração no meu ouvido desperta-me o desejo de uma forma nova e diferente. Gosto disto!

O meu vestido é curto, continuas por trás de mim, pões a mão na minha coxa direita e vais subindo. Estou com meias de ligas pretas, vais até ao elástico da meia e acaricias muito lentamente o pedaço de pele acima, os teus dedos longos não têm pressa e passeiam-se pela minha coxa até à parte de dentro. Sobes e com a ponta dos dedos, tocas ao redor das minhas cuequinhas.

Sinto as minhas pernas perderem forças, quando afastas a cuequinha para o lado e acaricias-me o clit devagarinho. Apenas com uma mão tens uma destreza que me surpreende… muito! A minha respiração está mais ofegante, com os dedos da mão direita entreabres a minha pussy e dedilhas o meu clit, até me deixar à beira do orgasmo.

A tua mão esquerda está no meu ombro e acaricia-me o braço, enquanto me continuas a levar à loucura com a língua na minha orelha.

One night love affair
Tryin' to make like we don't care
We were both reachin' out for somethin'

Agarras na minha mão e levas-me para a parte de trás da quinta. Há uma zona que tem alguns quartos e onde tens um reservado.

Chegados ao quarto, acendes umas velas que estão em cima de uma cómoda. O quarto é bonito, tem uma decoração rústica de acordo com o estilo da quinta. Mas eu quero lá saber de decoração... estou a ficar numa ansiedade... boa!

Olhas para mim, sorris e passas a língua pelos lábios. Apenas este pequeno gesto fez-me sentir no prelúdio do que seguiria.

Aproximas-te de mim e beijas-me, os teus lábios encaixam nos meus perfeitamente, a tua língua acaricia a minha em movimentos lentos, lânguidos e extremamente sensuais.

Incrível como um beijo na boca, se consegue sentir por todo o corpo...

Afastas as alças do meu vestido, enquanto me beijas os ombros e vais descendo pelo meu corpo, à medida que desces o vestido.

Acaricias ao redor das minhas mamas, o toque dos teus dedos arrepia-me e enlouquece-me.

Abro-te a camisa e acaricio o teu peito moreno, enfio a ponta dos dedos pela cintura das tuas calças e roço no topo do teu sexo enquanto te olho nos olhos e passo a língua pelo teu lábio de cima, chupo ligeiramente o teu lábio de baixo quando te desaperto as calças e agarro com mão a tua pila ereta e desejosa.

One night love affair
Pretendin' it ain't there
Oh - and now we're left with nothin'

Viras-me de costas e acaricias as minhas mamas, beliscas-me os mamilos com o indicador e o polegar e passas com a palma da mão para senti-los duros, a tua mão desce e volta a roçar o meu clit já muito inchado, inseres um dedo dentro de mim, espeto o rabo para ti e sinto a tua ereção enorme a roçar-me as nádegas.

Arrancas o edredon da cama, e fica só com lençóis, ajudas-me a ficar de cócoras, acho isto meio estranho, até ver o que vem a seguir. Posicionas-te por baixo de mim... a tua boca está mesmo perto da minha pussy e assim fico toda aberta! Vejo o teu sorriso de satisfação. A tua língua passeia-se pelo meu clit, a tua boca não pára, com os lábios sugas-me o clit e a tua língua vai entrando dentro de mim, até que não aguento mais e imploro-te que entres dentro de mim.

When the mornin' breaks
We go our separate ways
If the night was made for love it ain't for keeps

Deitas-me na beira da cama, com as costas na cama e colocas as minhas pernas nos teus ombros. Tens um pouco de espaço na ponta do colchão pelo que colocas lá os joelhos. Olhas para mim, e olhas para a tua pila a entrar dentro da minha pussy, vens mais para cima de mim, as minhas pernas estão fletidas e já tenho os joelhos quase a tocar os ombros. Cada vez que entras dentro de mim vais mais fundo e mais fundo! Quase doi de tão bom que é. Os teus lábios aproximam-se dos meus, estás mais fundo que nunca, sinto um espasmo dentro de mim, e aperto-te o mais que posso... tão bom! So deep!

But I lose control
As I watch you go
All my senses say I'm in this much too deep
Now you're outta reach

Miss Fantasy

Miss Fantasy

Mulher com uma imaginação delirante e muitas fantasias secretas por realizar.
Acredita que Deus nos deu o corpo para ter prazer e que cada vez que atingimos o orgasmo, o Nirvana, a plenitude, estamos mais perto de Deus.

  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
blog comments powered by Disqus

Inserir Anúncio Gratis