PUB
mascote
PUB


23 agosto, 2015 Restaurantes de mamas a bombar!

É a velha máxima de que o sexo vende a confirmar-se em tempos de crise...

Quando se mistura uma cerveja fresquinha, um bom hamburguer e um par de belas mamas, o êxito é garantido! E é por isso mesmo que os chamados Restaurantes de Mamas estão a vencer a crise. Conheça os casos de sucesso nas versões estrangeiras e portuguesa.

Restaurantes de mamas a bombar!

Ir a um restaurante é, cada vez mais, um luxo a que menos pessoas se podem devotar, por causa da famigerada crise! Mas os chamados "Restaurantes de Mamas" parecem imunes a esta tragédia económica e têm, consecutivamente, aumentado as suas receitas.

O espírito do Bar de Alterne no Restaurante

Os especiais fãs de boas mamas percebem bem qual é o atractivo de comer num local apetrechado de carnes fartas expostas por decotes profundos e provocantes.E nem precisam de saber a resposta àquela pergunta enigmática: olhar para mamas grandes dá saúde: verdade ou mito?

É graças a esse especial aliciante que espaços como o Tilted Kilt, o Twin Peaks e o Brick House, cadeias de "fast food" dos EUA que têm empregadas sensuais com roupas reduzidas, têm vindo a crescer.

Isto na senda do "velhinho" Hooters que há 30 anos delicia os americanos com comida servida por empregadas mamalhudas e de mini-calções.

A concorrência manteve a aposta nas mamas, mas dando-lhe um toque mais sofisticado e mais inovador que capta audiências mais jovens e fiéis.

Contudo, o conceito principal não mudou e o que é preciso para ter os homens à porta é, simplesmente, cerveja fresquinha, desporto na Televisão e mulheres bonitas!

E, como grande parte do rendimento das raparigas advém das gorjetas, algumas acabam por não usar lingerie por baixo das roupas reduzidas, para conseguir mais dinheiro dos clientes.

Algumas destas empregadas de mesa super-sexys conseguem facturar entre 400 a 700 dólares por noite e alguns donos dos estabelecimentos até se oferecem para pagar cirurgias de aumento de mamas às que têm mais potencial.

É, no fundo, o espírito do bar de alterne aplicado à restauração - elas incentivam o consumo dos clientes, interagem com eles, com uns sorrisos provocantes, uns abanos de anca e a casa factura!

O Twin Peaks é uma das cadeias que melhores resultados tem tido, a que está em maior crescimento, com vendas de 165 milhões de dólares em 2014.

"Comidas. Bebidas. Vistas cénicas", é este o mote da cadeia Twin Peaks que tem meia centena de restaurantes pelos EUA e cervejas com nomes tão inspirados como "Loira Marota" e "Morena Atrevida", além de "pratos quentes de bons".

E as empregadas têm ordens para se inclinarem nas mesas, mostrando ainda mais os seus decotes aos clientes, para os ajudarem a decidir na escolha do menu.

Ora veja o "making of" do calendário 2014 das meninas sensuais do Twin Peaks...

E, apesar das críticas de sexismo e de exploração do corpo da mulher e das insinuações de assédio sexual, estes "Restaurantes de mamas", estão a bombar. Porque, afinal, tantas críticas são publicidade gratuita e ajudam a vender ainda mais!

RestaurantLingerie

Por cá, temos o The Lingerie Restaurant em que os empregados e as empregadas de mesa servem os clientes em lingerie sexy e atrevida.

O espaço funciona no centro do Porto e inclui no cardápio pratos como "Grelo da Maria", "Oh si carinõ", "Lábios Rosados", "Linguado à Cicciolina", "69 Italiano", "Orgia de Carnes" ou "Viúva Insaciável".

Além disso, enquanto come pode ser surpreendido com espectáculos de striptease, lap dances e shows lésbicos ou números de transformismo. Os próprios comensais são convidados a dançarem no varão que se encontra no meio da sala do restaurante.

Gina Maria

Gina Maria

Moça católica e de boas famílias, apaixonada por secretas fantasias, eternamente interessada em mais, mais, mais...

blog comments powered by Disqus

Inserir Anúncio Gratis