PUB
Classificados X - Acompanhantes - Classificados Convivio
PUB


29 setembro, 2014 1ª Impressão

O que é que aconteceu naquele dia?

Engraçado como quando conhecemos alguém a primeira impressão é sempre das coisas mais importantes...

 

1ª Impressão

Durante muito tempo questionei-me qual seria a primeira impressão que as pessoas têm de mim... Mas naquele dia acho que nem sequer pensei.. Ele foi-me apresentado através de um amigo em comum, o Luís, passámos horas sentados naquela mesa de café, entre cafés, sumos de laranja, água e então começou a ser bem mais aceitável começar a beber, tendo em conta que já passava das duas da tarde.

O Luís, era o amigo em comum, já o conheço há tantos anos que nem me lembro, andámos juntos na escola primária e sempre fomos muito chegados, desde contar tudo o que se passava com meninas e eu com meninos, e claro que mais tarde, problemas que a vida nos vai trazendo e muitas vezes nós nem sequer sabemos como é que podemos lidar com eles.

 

Foram muitas as noites que passámos juntos, mas sem nunca nada se passar, apenas amigos, basicamente como se fossemos irmãos. Pois não sabia sequer que ele tinha amigos assim, o Miguel, lindo, loiro, de olhos azuais,alto e com aquele estilo de surfista com hipster, super querido e inteligente.

Quando demos por nós estava a manhã, o almoço, e mais de metade da tarde passada quando demos pelas horas, estávamos os três mas o Luís basicamente sentia-se a mais, claro que os olhos já tinham percorrido toda pela que estivesse descoberta, cada centimetro, devo confessar que aquela tarde se resumiu a uma óptima conversa mas aquele tipo de olhares causava arrepios, não queriamos que mais ninguém estivesse por perto.

 

Foi então que o Luís se apercebeu que estava a mais, e mentiu com todos os denrtes que tem na boca, e disse que tinha que ir para casa, quase que podia dizer que tinha que ir dar de comer ao cão que não tem. Nós ficámos, aliás para dizer a verdade, eu tinha coisas combinadas, jantar com amigas e a seguir aquelas noites de copos que nunca sabemos como é que vai acabar.

Simplesmente desmarquei, disse que tinha surgido algo. Foi então que o Luís, finalmente foi-se embora, não que não goste dele mas só queria passar algum tempo sozinha com o Miguel.

Foi então que começamos a falar, mas quando demos por nós já tinhamos percorrido mais de metade de Lisboa a andar, com tudo isto passaram-se três horas. Quando demos por nós, estávamos em frente a um motel, não tinha mau aspecto mas dava perfeitamente para ver que os frequentadores não eram "casais", olhámos um para o outro e simplesmente entrámos.

Depois de tudo tratado subimos para o quarto, ao entrar  havia um espelho no tecto, um baloiço e uma cama d'água. Acho que a tesão era tanta que não aguentei, atirei-me para os seus braços, beijei-o e não o larguei mais, ele basicamente rasgou-me a roupa e mandou-me para cima da cama.

Não sei, era tudo tão natural, a forma como me beijava fazia-me arrepiar, começou pela boca claro, os seus beijos eram longos, molhados e excitantes. As mãos passearam pelo meu corpo de uma forma como há muito não era tocada, não, não fizemos amor até porque detesto esse termo.

 

Talvez tenha sido algo bem mais selvagem, fui penetrada de todas as formas e mais alguma, na cama ele transformou-se deixou de ser querido e passou a ser um verdadeiro macho que tinha que mandar em tudo o que faziamos adorei.

Meteu-me de quatro, e beijou-em as costas enquanto me agarrava as mamas e puxava com força, deu-me palmadas, e ao mesmo tempo chamou-me nomes, foi até não aguentar mais o extase, pedi-lhe que me penetrasse, e quando o fez,meu deusssssssssss!!!!

Não consegui parar de gritar, só queria ser fodida e e senti-lo todo dentro de mim, grande e grosso, fez-me vir seis vezes no espaço de duas horas... O baloiço foi extremamente bem utilizado, quem diria que enquanto criança não achasse tanta piada como achei naquele momento. O nível de penetração foi fantástico, conseguia senti-lo grande e completamente dentro de mim...

Mas depois dessas duas horas acho que a magia acabou, vestimo-nos e simplesmente dissemos adeus, e cada um seguiu o seu rumo... Estranha a nossa vida, hem?! Num momento queremos "saltar" para cima de alguém e depois do desejo concretizado, a pessoa simplesmente perde o interesse....

Já alguma vez vos aconteceu? Terem o que possivelmente foi o melhor sexo da vossa vida mas depois nada mais interessar?

April Smith

April Smith

Falar de sexo, sem tabus e sem preconceitos! Esse é o meu objectivo.

 

blog comments powered by Disqus

Inserir Anúncio Gratis